O judoca

Prometi essa história há tanto tempo, mas só ontem fuçando neste blog que lembrei.

O judoca … Hoje eu olho pra trás e só consigo dar risada. Não consigo acreditar que eu fui apaixonada por este ser! E outra … Culpo minhas amigas por isso! A função básica das amigas é mostrar como o cara que você está curtindo e saindo é ridículo. Tudo bem, tudo bem … elas tentaram! Eu que não escutei.

Esse cara foi um idiota que apareceu na minha vida, já o tinha visto pela academia, e começamos a bater papo pelo msn. Ele desde o começo sendo o idiota que até hoje é, com aqueles papos idiotas e que eu sempre caio. Ou melhor, como minha vida mudou, eu caia!

Bom, conversa vai, conversa vem … saí com o judoca, fomos ao cinema, ficamos, e o negócio foi rolando. Não vou entrar em detalhes porque nem vale a pena.

Depois que ele deu vários perdidos, que sumia, saia com outras negas … uma amiga minha de colegial começa a estudar na faculdade que ele dava aula. E se tornou aluna dele. Contei pra ela da situação, e ela foi lá e falou pra ele que me conhecia coisa e tal.

Bom, o idiota é tão idiota que mesmo sabendo que ela era minha amiga, em uma conversa com a turma conta para seus alunos a história da sua noiva … Oi???? … Isso mesmo: NOIVA. O judoca não só era idiota e saia com várias idiotas, me incluo nesta lista, como tinha uma namorada há 10 anos … que se tornou sua noiva.

Minha amiga me pergunta ingenuamente, “Você sabe que o Judoca tem noiva?” e a resposta foi a mesma acima … Oi???? … Me senti mal, nunca tinha sido a outra, apesar de uma época da minha vida ter plena certeza que estava escrito “AMANTE” na minha testa, porque só recebia esse tipo de proposta.

O judoca era tão mané, que ele até hoje não admite pra mim que tinha uma noiva, que hoje é sua esposa … Aliás ele é o cara que fez o comentário idiota do post Pedidos “Só se vc casar comigo vou ter algo pra voltar”

Mas, o tempo é tudo, o Mr Cult e o Lucífer foram os que mais me fizeram sofrer … mas quando vivi o que vivi com o Judoca achava que tinha acabado … agora olho e dou risada. Ainda bem que não deu certo.

E nem tem tanta importância assim!

Não quero achar que eu sou a mulher perfeita para todos os homens que passaram pela minha vida … Primeiramente porque não acredito em perfeição, acredito em conquista diária e de querer seguir um caminho junto … Mas, nada é perfeito, nós temos que ceder e, também, lutar pelo que nós queremos. Como diz uma amiga minha, temos que ser completos, não existe metade da laranja, mas sim duas laranjas inteiras, que sabem o que querem, o que sonham, e que conjuntamente vão dar apoio, carinho e amor um ao outro, cedendo quando necessário e conseguindo enxergar os desejos e anseios do seu par!

O judoca é só mais um que me fez crescer, amadurecer, e entender o que eu realmente quero de um relacionamento.

Anúncios
Publicado em Conhecimento para a vida toda! Yeahhh, Relacionamentos | Deixe um comentário

Devaneios

Faz tempo que não escrevo aqui, meu último post foi de Fevereiro, não que não tenha histórias pra contar, afinal de contas não terminei de falar dos sem noção da minha vida, mas sim por falta de tempo para escrever.

Ultimamente tenho sentido coisas estranhas … Não, não é no sentido que sua mente doentia está pensando! … Ando muito bem comigo mesma, com as coisas que tenho feito, com o que tenho vivido. Mas, ao mesmo tempo sinto uma angústia simplesmente do ser.

Eu já tomei algumas decisões no que diz respeito as minhas inquietudes afetivo amorosas, mas ainda sofro com algumas coisas (tanto pelo que os olhos vêem que no mundo da internet de hoje é algo arrebatador como por coisas que estão num futuro que não me pertence).

Minha vontade de morar fora está cada dia maior, mas ao mesmo tempo o meu auto-boicote está também a pleno vapor, encontrar problemas nas escolhas de qual país, arrumar a desculpa da família … sei lá … ainda estou buscando algo que não apareceu na minha vida, ou apareceu e eu não percebi.

Bom, vou parar por aqui, porque este post está totalmente louco, de um jeito que este blog em específico não tinha uma proposta. Devaneios sobre a vida não é algo que gostaria de compartilhar … mas sim as histórias engraçadas.

Se alguém perguntar por mim … Diz que fui por aí … 😉

 

 

 

 

 

 

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Correr Atrás …

Hoje fiquei pensando muito nisso … Do que vale a pena correr atrás?

Eu tenho o péssimo hábito de correr atrás de tudo. Mas isso é porque eu não consigo me libertar e deixar as coisas simplesmente irem embora.

Faço de cada relação da minha vida a minha meta e o meu caminho. Mas, estou aprendendo. Deixa passar, e o que importa é ter mais uma história pra contar, e uma experiência que vai ajudar na sua sabedoria futura.

Sabe aquele meu amigo do post dos conselhos masculinos.

Ele me disse uma coisa uma vez que ficou martelando na minha cabeça esses dias. Em uma das nossas conversas ele disse “Linda, a gente só corre atrás do amor da nossa vida!”. Pronto … passou!

Correr atrás de um emprego, de um curso, de sucesso profissional, se dedicar, é algo que já faço constantemente, se é pra entrar em alguma coisa é pra ser a melhor (embora nem sempre isso seja possível) … mas não aceito a mediocridade!

Mas, eu estou desistindo de correr atrás das pessoas, dos caras que aparecem, dos caras que eu achava que eram pra ser. Tem gente que aparece só pra ser um grande amigo, mas não um grande amor … então bóra viver!

Uma professora minha na faculdade citando Quintana disse “Não corra atrás das Borboletas. Cuide do Jardim!” É isso que estou fazendo, e garanto o Jardim está cada dia mais bonito, mais tranquilo, e cheio de amor!

Publicado em Amizade, Conhecimento para a vida toda! Yeahhh, Relacionamentos, Soy Yo | Deixe um comentário

Sofrimento …

Sei que é difícil fazer um ranking do que vale mais a pena para se sofrer. Sofrimento é sofrimento e só quem passa sabe o quão importante aquilo é.

Hoje eu estou triste, estou imaginando cenas e conversas com a minha irmã que faleceu há 12 anos. Hoje é aniversário dela. Fiquei imaginando se a gente seria amiga de balada, de conhecer caras. O que ela falaria pra mim sobre os manés que aparecem na minha vida.

Mas, será que minha história teria sido o que foi se ela estivesse aqui. Acho que não. Acho que eu sou a mulher forte que sou hoje, de aguentar cada pedreira e fazer piada da vida porque passei pelo que passei.

Mas, hoje em particular estou irritada com os sofrimentos por amenidades da vida ou por coisas que você tem a força interior para modificar.

Querer voltar a ser o que era no passado, não estou feliz com meu namorado, meu emprego é um lixo, o cara me comeu e sumiu. Já passei por isso, essas avaliações e dói sim … Mas, quando penso nas verdadeiras pedreiras que passei na minha vida, naquelas situações que por mais que eu quisesse não tinham solução como a doença da minha irmã e a sua morte, eu acho tão pequeno reclamar do chefe … Meu não curte o emprego vamos lá, erga a cabeça, e procura um emprego novo! Não gosta do namorado, dá um pé nele … esse sofrimento passa! Então como diz o meu irmão … Vai dar meia hora de c* e resolve esses probleminhas de mulherzinha!

Estou indo viajar para encontrar uma prima minha que tem uma doença que não tem cura, parente da esclerose, que tem uma expectativa de vida de 30 anos … Você acha que seu sofrimento é maior que esse … E a gente continua lutando, e sendo forte. Porque a vida meu irmão não é pra principiantes!

Publicado em Conhecimento para a vida toda! Yeahhh | Deixe um comentário

Mr Cult …

O Mr Cult nem era tão cult assim quando eu o conheci. Aliás era bem caipirinha … Graças a Deus nasci em uma família que a gente pode não ter grana pra ir em tudo, mas a gente conhece das coisas, pelo menos sabemos o mínimo e temos cultura geral.

Mr Cult apareceu na minha vida me pedindo o msn em uma dessas redes sociais. Eu converso com todo mundo e não tenho medo de começar a conversar com pessoas na internet. Sair com elas já exige um outro tipo de preparo. Vi que ele tinha estudado com uma amiga minha, conhecia algumas pessoas que eu conhecia – ADICIONADO.

Conversa vai, conversa vem … Mr Cult era bem interessante, além de ser meu número de homem: alto, cabelo preto, barba, charmoso e com tatuagem. Na época estudava física em uma faculdade. Ficamos meses conversando, e um belo dia combinamos de ir ao cinema … Acabou que a sessão do filme era super tarde então ficamos conversando.

Bom … após algumas saídas rolou que ficamos e foi bom. Eu queria continuar ficando com ele, a gente saída de vez em qdo, mas ele sumiu (again) e um dia me falou que tinha acabado de sair de um namoro que não queria nada com ninguém no momento. Eu apertei o foda-se, parei de falar com ele.

Uns dois anos depois ele me chama no msn, me chama pra sair, saimos, nada rola, nos tornamos amigos, e saimos outras vezes como amigos, sem nunca rolar nada. Nessa época ele tinha mudado pra SP e descoberto outras vertentes culturais … ficou um chato … ODEIO CULTS, mas continuava gato!

PS: Odeio cult, pq parece que não conseguem enxergar outra coisa. Ficam cuspindo Chico Buarque e outras coisas e totalmente se fecham para outras experiências que são depreciadas por fazerem parte da massa … E eu não me fecho pra nenhum tipo de demonstração cultural, posso não gostar, mas nào falo mal, isso é preconceito e eu odeio preconceito.

De qualquer forma … A gente conversava, ele tinha conteúdo, e continuamos nessa histórinha de amiguinhos, um tempo passou e ele começou a me falar coisas legais denovo, me mandar msg de bom dia, fazer a corte novamente, no começo não levei a sério, mas logo cai na armadilha.

Ficamos novamente … tinha acabado de terminar a história com o Judoca e queria ficar com alguém …

O Mr Cult depois sumiu, mas sumiu para sempre, jogou vários anos de amizade no lixo depois de uma noite.

Vai falar que eu não atraio homem escroto! Uma hora a gente aprende! heheheh

Amanhã conto do Judoca o mais péssimo da minha vida (Como minhas amigas me deixaram fazer isso?!) que ainda me rende boas risadas até hoje … See you … 😉

Publicado em Conhecimento para a vida toda! Yeahhh, Relacionamentos, Soy Yo | Deixe um comentário

Os homens da minha vida …

Esses sim são uma piada pronta.

Não falo das paixões platônicas, do primeiro beijo, ou daqueles amores de infância.

São poucos os caras por quem fui apaixonada, alguns deles nem sei se realmente gostei, mas me marcaram.

Episódio de hoje:

Mr Rock Star

Na fase adulta esse foi o primeiro homem de quem realmente gostei, e foi quando eu comecei a cair na real que os caras só querem uma coisa: te comer.

Mr Rock Star era aluno da minha professora de canto quando eu tinha 16 anos, ele era gatinho, mas se hoje eu sou tímida nesse campo naquela época eu ficava só imaginando mesmo. Idiota!

Mas, eis que numa bela manhã de sol eu começo a conversar com o Mr Rock Star pelo msn … a partir daí sempre trocavamos msgs pelo celular, eu estava na faculdade já … tinha 19 anos, e ele tinha 27. Fiquei tão feliz por começar a conversar com ele, mas ainda era toda bonitinha, demorei pra sair com ele. E quando saímos a primeira vez nem pegar na mão rolou. Mas de cara no mesmo dia rolou um convite para sair novamente … um show de rock … fui, fiquei com o Mr Rock Star, foi bem agradável … mas naquele dia ele ficou sabendo que eu ainda era “pura” (é já fui isso um dia! =P) e eu queria continuar naquele clima de paquera, mandava msgs falando “Ahhhh acabei de ver tal banda, tal música, etc” (meninas nunca façam isso, o cara tá pouco se fodendo se vc lembrou dele ou não).

 Bom, Mr Rock Star queria só sexo … e nem nos falamos mais direito. Agora que cresci algumas vezes ele me ligou, mandou msg, veio atrás, sai com ele, me convida sempre pra ir ver sua banda (ATENÇÃO… eu disse BANDA … com AAAA) e eu como não tenho nada a perder às vezes respondo. Mas, agora não caio mais. Aliás, semana passada me mandou msg … segundo ele apenas para dar um oi  …

Cenas do Próximo Capítulo

Moça romântica e solitária é abordada virtualmente … por um homem que conhece alguns amigos dela. Ele entra em sua vida e vira ator importante em alguns momentos. Mr Cult.

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

I wanna be a rockstar!

Será que a gente tem crise dos 26?

Porque eu realmente estou perdida na vida, em todos os campos, família, trabalho, amor … a minha vida era realmente mais interessante e engraçada quando eu tinha meus 15 anos e tudo o que eu queria mesmo era ser Rock Star!

Alguém quer montar uma banda aliás?

No meu aniversário de 16 anos pra vocês terem uma idéia eu coloquei uma banda de rock (muito ruim por sinal) na sala da minha casa. Essa cena é sempre relembrada pelo meu irmão e por seus colegas. Foi um aniversário bem legal, as pessoas acamparam na minha casa, e eu, é claro estava apaixonada pelo baixista da banda.

Paixão essa que continua sendo do meu modo ridículo de ser. Podemos colocar ele em mais um dos caras que nunca soube do que eu sentia porque eu achava que ele nunca se interessaria por mim, existem pelo menos uns 3 nessa situação e na minha história.

Fala sério, continuo sendo uma idiota, pelo menos hoje sou uma idiota suicida que se entrega nas loucas histórias da vida (não são muitas, infelizmente)

Agora preciso entrar na fase da faculdade da minha maturidade, a pegação generalizada. Preciso aprender, mas algo me diz que vou pegar facilmente essa tática, já que estou no esquema de apertar o foda-se pra tudo e pra todos.

No more nice girl … Quero viver a vida de rock star …

Quem quiser vir junto: Give me a call … 😉

 

 

 

Publicado em Bar, Soy Yo | Deixe um comentário